Puxe ou empurre

Conta uma estória que um o homem pobre bateu à porta de um homem rico.

Da janela o homem rico perguntou:

— Que queres receber?

— Nada quero receber. Desejo apenas dar.

O homem rico ironizou:

— És muito pobre para dar.

Sou muito rico para receber.

— Enganas-te. Abre a tua porta e eu te darei a Verdade.

Interessado, o homem rico abriu a porta.

— Pronto – disse, dá-me a verdade que prometeste.

— Já te dei. — Quando?

— Agora.

— E onde está a verdade?

— Numa porta que se abre, respondeu o homem pobre.

Então, o homem rico meditou… e compreendeu.

— Obrigado – sussurrou.

— Na verdade abriste a porta do meu coração, e por ela entrou a paz.

“Há duas palavras que abrem muitas portas: Puxe e Empurre.

“Muitas pessoas ficam diante da porta…não puxam e nem empurram.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Acesse e divulgue: www.equilibrioarp.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *