É fácil fazer a vontade de Deus!?

“Eis aqui minha mãe e meus irmãos, aquele que faz a vontade de Deus. Esse é meu pai, meu irmão, minha irmã e minha mãe”.

Certamente fazer a vontade de Deus não é algo fácil. Não é fácil porque existe um grande conflito entre a vontade de Deus, a vontade do maligno e a nossa vontade. Simplesmente batendo o olho nestas palavras, parece fácil decidir por qual vontade optar, mas não é:

Vontade do maligno – A vontade do maligno é que nos percamos, que sejamos infelizes, mas ele mascara; o mal nunca se apresenta feio, nunca é de todo ruim. A bebida, a droga, dinheiro de corrupção… Tudo isso e outras coisas, trazem alegria, realização momentânea, mas as consequências são drásticas todos sabemos disso. E o pior é que o maligno mesmo, quando chegamos em determinado ponto começa a nos acusar, nos põe sentimentos de condenação, levando muitos ao suicídio. Se não o suicídio prático, o suicídio da alegria, da paz…

Vontade humana ou nossa vontade – A vontade humana pode ser a vontade de Deus, quando a pessoa está em Deus e pode ser a do maligno quando a pessoa está afastada de Deus; pode ser puramente humana quando simplesmente é envolta por emoção. Claro que é preciso vontade, desejo de fazer algo, mas quando colocamos Deus, Ele vai direcionando para uma plena realização, um sentimento de que estou no caminho certo. Pois se a vontade humana não for purificada, algo bom como por exemplo o desejo ter uma boa casa, viajar, ter carro do ano pode virar doença fomentada pela ganância. Nada tem de errado em ter esta vontade de possuir bens materiais, porém, eles não podem nos escravisar.

Vontade do maligno – É fácil saber: Ele quer nos destruir, nos roubar e nos matar; mas é claro que ele não fala isso, nem demonstra. O mal é sempre prazeroso no começo. Se você conhece laranja lima entenderá fácil. Se não conhece compre uma: Você vai perceber que ela tem gosto muito doce, mas no final é amarga.

O que fazer para saber qual é a vontade de Deus? Não precisa ficar parado esperando que um anjo venha mostrar. O segredo é dar passos, por em prática os sonhos, os desejos… Junto a isso ir pedindo a Deus que o que for vontade d’Ele permaneça e portas se abram; e o que não for, que Ele vá retirando.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Acesse e divulgue: www.equilibrioarp.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *