O preço da verdade

Falar a verdade é algo precioso. Mas falar a verdade tem um preço. João Batista por exemplo disse ao rei Herodes: ” ‘Não te é permitido ficar com a mulher do teu irmão’. Por isso Herodíades o odiava e queria matá-lo”. (Herodíades era mulher de Filipe, mas queria casar-se com Herodes). E Herodíades conseguiu matar João, quando Herodes numa festa, encantado com a dança da filha de Herodíades, ordenou que ela lhe pedisse o que quisesse e ela, orientada pela mãe pediu a a cabeça de João Batista, sendo este decapitado.

João morreu por optar pela verdade e falar a verdade. A verdade tem três aspectos importantes:

1) A verdade tem um preço e quem opta por ela precisa estar disposto a pagá-lo. João Batista perdeu a cabeça, foi esse o preço que ele pagou. Para alguns falar a verdade custa perder uma amizade ou até mesmo um bom cargo ou ainda um aumento de salário.

2) A verdade deve ser dita, mas sempre com caridade. Jesus sempre falava a verdade, mas com caridade, sem condenar ninguém. Não adianta também, dizer que somos da verdade mas humilhamos as pessoas. Existem formas e formas de falar a verdade…

3) Muitas vezes a verdade falada não produz efeito, porque é dita na hora errada. Não adianta esperar o calor de uma discussão para falar a verdade, nem tão pouco dizer a verdade para se vingar de alguém.

O grande problema com a verdade é que ela incomoda. Incomoda quem fala e quem ouve. A verdade tem um preço, vai pagá-lo?

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *