Se a pessoa não pode ir, leve-a…

O evangelho de São Marcos narra um episódio muito bonito e incomum na vida de Jesus: Certo dia, estava na casa de Pedro instruindo as pessoas, mas era uma multidão enorme, não permitindo a ninguém mais entrar. Neste contexto, quatro amigos de um homem paralítico, tiveram a ideia de levá-lo a Jesus, mas na impossibilidade de entrar na casa, abriram o telhado e desceram o homem na sala, onde Jesus estava. “Jesus vendo-lhes a fé, disse ao paralítico: Filho, teus pecados estão perdoados” e o homem foi curado!

Qual é o detalhe interessantíssimo desta história? “Jesus, vendo-lhes a fé…” Jesus viu a fé dos quatro amigos; por causa da fé deles, fé esta que os impulsionou a carregarem o homem até  casa e na impossibilidade de entrarem, decidiram abrir o telhado. Foi esta fé dos quatro amigos que trouxe a cura do paralítico.

Existem muitas pessoas que,  por inúmeros  motivos, sofrimentos e acontecimentos estão paralisadas na fé, incapazes de por conta própria irem até Jesus. É neste momento que precisamos fazer cumprir este evangelho, fazendo o que se convém chamar de intercessão. Certa vez lendo livro do Padre Alírio Pedrini (Como fazer a Graça acontecer), vi o seguinte: “Só há manifestação de Carismas onde há amor”. Portanto, não critique aquela pessoa afastada de tudo, desanimada, paralisada. Reúna amigos e peça a Jesus por esta pessoa. Se ela não pode ir, leve-a com os amigos até Jesus. Pelo amor e pela oração a cura dela vai acontecer.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *