Não faça o “jogo sujo” de dar o troco

O profeta Jeremias passou por um grande drama: O de ser perseguido e caluniado. E por este drama muitos passaram, alguns estão passando e certamente tantos ainda passarão. O certo é que ninguém está livre disso.

Em momentos assim, de perseguição e calúnia, nem sempre argumentar resolve, nem tão pouco partir para dar o troco. Duas atitudes são importantes:

1) Pergunte para você mesmo: Eu sou isso que estão falando? Fiz o que estão divulgando? Se não se encaixa nestas perguntas já vá se acalmando. O nome disso é: Ter a consciência tranquila.

2) Rezar pela pessoa que está caluniando e perseguindo. Quando fazemos isso, nos acalmamos e não nos tornamos iguais. Por que se desejarmos o mal, se partirmos para o jogo sujo de “dar o troco” nos tornaremos iguais ou piores que estas pessoas. Veja por exemplo o que rezou o profeta Jeremias quando estava sendo caluniado e perseguido: “O Senhor, porém, está comigo, qual poderoso guerreiro. Por isso, longe de triunfar, serão esmagados meus perseguidores. Sua queda os mergulhará na confusão. Será, então, a vergonha eterna, inesquecível. Senhor, Deus dos exércitos, vós que sondais o justo, e que pescrutais os rins e os corações, concedei-me o poder de contemplar a vingança que deles ides tirar! Pois em vossas mãos depositei a minha causa”

Por fim, diante de uma calúnia e perseguição, espere. Tenha um pouco de “frieza” e espere a ação de Deus. Porque repito: Se você fizer o “jogo sujo” de dar o troco, será igual ou pior que aqueles que te caluniam e perseguem.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *