Mãe, diante da cruz, permaneça em pé!

Neste dia das mães, rezando por minha mãe e por tantas mães que conheço, lembrei-me do versículo 25 do capítulo 19 do Evangelho de São João: “Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena. Compreendo assim, que aqui está o segredo da força que sempre teve minha mãe, a dona Alice; mulher que como esposa e mãe sempre teve e tem cruzes a carregar, mas que jamais desistiu de lutar. Recordo então de mães que carregam cruzes enormes: Filhos nas drogas, no crime, filhos rebeldes que não as valorizam, filhos que esqueceram que têm uma dívida impagável com elas…

Maria, a mãe de Jesus, que tanto sofreu, que mesmo sem cruz foi crucificada, é exemplo para que especialmente neste dia, você que é mãe se mantenha de pé. Sim, de pé diante da cruz, pois a cruz de Jesus não permaneceu. Ele ressuscitou! A cruz que você mãe carrega hoje, não permanecerá, não terá a última palavra…

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *