Egoísmo tem cura!

Em sua segunda carta aos coríntios, capítulo 5, versículo 15, São Paulo nos diz: “Sim, Ele (Jesus) morreu por todos, a fim de que os que vivem já não vivam para si, mas para Aquele que por eles morreu e ressurgiu”. Diante disto que lemos, entendemos então que a morte de Jesus na Cruz, ainda que muitos não creiam ou não compreendam, aconteceu para que tenhamos vida. Sim, Jesus na Cruz matou o pecado. Sobretudo o pecado do egoísmo que nada mais que é do que “um amor exclusivo a si aos interesses próprios”, é o viver para si.

Portanto, não viver pra si mas para Aquele que por nós morreu e ressurgiu: Jesus; é libertar-se do egoísmo que assola a humanidade. Os nossos dias tem nos levado a viver esse egoísmo, o individualismo até mesmo na fé. Muitos buscam a Deus só quando tudo vai mal, quando alguém adoece; simplesmente para satisfazer aquele momento. O egoísmo, nos isola e nos torna insensíveis aos sofrimentos alheios. Não é atoa que em momentos de sofrimento, há pessoas que questionam: Por que isso aconteceu logo comigo? A tradução disso seria: Por que esse mal não aconteceu com meu vizinho?

Ora, uma vez que egoísmo é “um amor exclusivo a si aos interesses próprios”, o antídoto para esse egoísmo é amar o outro, interessar-se por estar junto, por ajudar, por ser simplesmente presença, ainda que sem palavras…

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *