Tire água da pedra!

“Como não havia água para o povo, este juntou-se contra Moisés e Aarão e, levantando-se em motim, disseram: “Antes tivéssemos morrido, quando morreram nossos irmãos diante do Senhor! Para que trouxestes a comunidade do Senhor a este deserto, a fim de que morrêssemos, nós e nossos animais? Por que nos fizestes sair do Egito e nos trouxestes a este lugar detestável, em que não se pode semear, e que não produz figueiras, nem vinhas nem romãzeiras, e, além disso, não tem água para beber?” Deixando a comunidade, Moisés e Aarão foram até a entrada da Tenda da Reunião, e prostraram-se com a face em terra. E a glória do Senhor apareceu sobre eles. O Senhor falou, então, a Moisés, dizendo:  “Toma a tua vara e reúne o povo, tu e teu irmão Aarão; na presença deles ordenai à pedra e ela dará água. Quando fizeres sair água da pedra, dá de beber à comunidade e aos seus animais”. Moisés tomou, então, a vara que estava diante do Senhor, como lhe fora ordenado. Depois, Moisés e Aarão reuniram a assembleia diante do rochedo, e Moisés lhes disse: “Ouvi, rebeldes! Poderemos, acaso, fazer sair água desta pedra para vós?” E, levantando a mão, Moisés feriu duas vezes a rocha com a vara, e jorrou água em abundância, de modo que o povo e os animais puderam beber“. Este texto está no livro bíblico dos números, capítulo 20 versículos 2 a 11.

É por conta desta realidade vivida por Moisés que se diz a expressão: “Tirar água da pedra”. Deus é maravilhoso: Poderia dar água de tantas formas àquele povo, mas não fez chover, não criou ali um rio, mas disse a Moisés: “Toma a tua vara e reúne o povo, tu e teu irmão Aarão; na presença deles ordenai à pedra e ela dará água”. Era muita gente com sede. O povo todo reclamava:  “Como não havia água para o povo, este juntou-se contra Moisés e Aarão e, levantando-se em motim, disseram: “Antes tivéssemos morrido, quando morreram nossos irmãos diante do Senhor! Para que trouxestes a comunidade do Senhor a este deserto, a fim de que morrêssemos, nós e nossos animais? Por que nos fizestes sair do Egito e nos trouxestes a este lugar detestável, em que não se pode semear, e que não produz figueiras, nem vinhas nem romãzeiras, e, além disso, não tem água para beber?” 

Moisés estava perdido. Não havia o que fazer. Era literalmente “tirar água da pedra”. E Moisés fez isso. Pode ser que hoje você viva situações onde tenha que “tirar água da pedra”: Se sentindo perdido, sem saber o que fazer, o que falar, como agir… Sem forças, sem coragem… Veja: Não é o fim, mas é sinal de que chegou a hora de “tirar água da pedra”. E o que significa isso? Significa lutar, não desistir, rezar e agir…

DEIXE SEU COMENTÁRIO! ESPALHE ESTA BOA PALAVRA! COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *