O encanto está nos olhos e o desencanto no coração!

Este texto que vamos ler, é do livro bíblico de Esdras, capítulo 9, versículo 9:  “Sim, somos escravos, mas nosso Deus não nos abandonou em nosso cativeiro. Ele nos concedeu a benevolência dos reis da Pérsia, dando-nos vida bastante para reconstruir a morada de nosso Deus, reerguer as ruínas, e também nos concedeu um abrigo seguro em Judá e em Jerusalém“.

Em meio ao sofrimento vivido no exílio, vivendo na escravidão, Esdras consegue ver a mão de Deus. Não perdeu a esperança, mas conseguiu tocar nos sinais de amor e na manifestação de Deus em benevolência através dos reis da Pérsia, Vida bastante e o abrigo seguro que tinham em Judá e em Jerusalém. Com essa atitude, Esdras me ensina a ter sempre um olhar de esperança, a ver além do que os olhos humanos vêem. Sim, em meio a pessoas más, acontecimentos ruins e situações difíceis, só sobrevive quem não se desespera. O segredo para não se desesperar e manter viva a esperança, está no olhar: Pois o encanto está nos olhos e o desencanto no coração. Tudo que vemos e percebemos vai para o coração. Ora, se só vemos e fixamos os olhos em pessoas más, acontecimentos ruins e situações difíceis, isso vai ao coração, levando a ele o desencanto e é neste momento que se perde o encanto e a alegria pela vida e pelas pessoas; perde-se a esperança e a vida se torna pesada demais, sem sentido…

Portanto, mesmo cercado de pessoas más, em meio a acontecimentos ruins e vivendo situações difíceis, mantenha o olhar nas pessoas boas, nos acontecimentos bons e nas situações leves da vida, a fim de não perder o encanto, o maravilhar-se, o alegrar-se com a vida. Guarde bem: O encanto está nos olhos e o desencanto no coração!

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *