Deus trabalha com preparação!

A palavra de Deus a seguir está no evangelho de São Lucas, capítulo 1, versículo 80. “O menino foi crescendo e fortificava-se em espírito, e viveu nos desertos até o dia em que se apresentou diante de Israel”. Confesso que João Batista é o personagem que eu mais gosto na bíblia depois de Jesus, por quê? Ele tinha um problema sério de mente. Se João Batista estivesse nos nossos meios hoje, não pregaria em nenhuma Igreja, ele subia no morro e pregava com um machado na mão, com um visual muito doido. Vestia-se com pele de camelo, comia gafanhoto e mel silvestre. Ele era tão louco que batizava as pessoas e as obrigava a confessar seus pecados publicamente, ele era um denunciador de pecados de quem quer que fosse. Foi o maior personagem bíblico, batizou Jesus. Sim, esse homem batizou Jesus!

       Mas veja que interessante: João Batista “foi crescendo e fortificava-se em espírito, e viveu nos desertos até o dia em que se apresentou diante de Israel”. Ele viveu 30 anos no deserto, e ministrou somente 3 anos. Aqui mostra claramente que o deserto é bom para “ensaiar”. Deus trabalha com preparação!
       O deserto nos faz adaptar. João Batista adaptou-se ao calor e a comida. Existem muitas pessoas cheias de frescurinha, e desse jeito não dá para servir a Cristo. Tem gente que não consegue ficar sem o celular. Esquece a carteira em casa, mas não esquece o celular. O deserto nos prepara para todas as situações. De noite é um frio aterrorizante, de dia um calor insuportável. Mas João Batista se adaptou. Deus quer nos usar no deserto. Após viver no deserto, adaptar-se a ele e viver loucamente pra Deus, seu chamado foi conseqüência natural da sua intimidade com o Senhor, aprenda com João Batista.
Fonte: Carlos, Ipatinga-MG
DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *