A Palavra de Deus não é um fardo

O livro bíblico de Neemias em seu capítulo 8, versículo 9 nos diz que:  “Depois Neemias, o governador, Esdras, sacerdote e escriba, e os levitas que instruíam o povo, disseram a toda a multidão: Este é um dia de festa consagrado ao Senhor, nosso Deus; não haja nem aflição, nem lágrimas. Porque todos choravam ao ouvir as palavras da lei”.

Aquele povo que ouvia a Lei de Deus, sentiu descer sobre ele um fardo. E por isso a tristeza e o medo veio sobre eles. E ainda hoje muitas pessoas são assim: Olham as coisas de Deus como um aprisionamento, uma obrigação, um ritual a cumprir, passível de punição e castigo se não for cumprido. Mas a  Palavra de Deus não pode ser pesada, não pode ser vista ou ouvida como um fardo; ao contrário: Ela precisa ser vista e ouvida com alegria. Com a alegria de quem é grato por ser orientado em seu caminho, quando não sabe ou tem dúvidas para onde ir. As Leis de Deus precisam ser vistas e ouvidas como Luz para o caminho e não como ameaça.

A Palavra de Deus, os Seus mandamentos e tudo que envolve o Reino de Deus também não pode ser visto como maldição, mas como Bênção. Sim, Bênção vinda de quem ama para quem é amado, e por isso cuida, direciona, orienta.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *