“A ninguém fiqueis devendo coisa alguma, a não ser o amor recíproco; porque aquele que ama o seu próximo, cumpriu toda a Lei”. Neste versículo 8, do capítulo 13 da carta aos Romanos, fica bem claro que, não dever nada a ninguém, não ter peso na consciência, dormir e acordar em paz… Simplesmente amar. Amar cada pessoa do jeito que é, é um enorme desafio e uma “jogada de mestre” na caminhada de fé. Porque na verdade, a pessoa que ama faz tudo, corta caminho. Aquele que ama não comete adultério, não mata (no sentido de matar mesmo e no sentido de matar a alegria, a paz, a esperança… do outro), não rouba, não cobiça, não mente, não fofoca, não aumenta as conversas…

Amar é fixar os olhos em Deus, tornando-se assim, impregnado da Sua presença; o que fará com que, quando olharmos para alguém, olhemos com o olhar de Deus, impedindo-nos assim de termos malícia, de querermos matar, roubar, vingar, falar mal…

Uma pessoa que reza, fixa os olhos, a mente e o coração em Deus. Ela é tomada pela essência de Deus que é amor, daí não precisará fazer mais nada, pois já fez tudo!

Edson Oliveira