Deixar tudo na mão de Deus não é ter fé, é comodismo.

Pela fé, uma pessoa faz o que Jesus fez e até mais. Esta informação foi passada pelo próprio Jesus no evangelho de São João, capítulo 14, versículo 12: Em verdade, em verdade vos digo: aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço, e fará ainda maiores do que estas”. E aqui não se trata de pensar positivo, poder da mente ou algo parecido. Aqui se trata de herança. Sim, uma herança nos dada pelo próprio Jesus, e que age na pessoa quando ela aceita.

E que obras são estas que somos capazes de fazer como Jesus fez se tivermos fé? Amar, perdoar, compadecer-se de alguém, sorrir, ser firme quando for necessário… E as obras maiores que as de Jesus? Exemplo bem simples são as redes sociais. Hoje, posso em segundos atingir pessoas no mundo inteiro com uma Palavra, com uma oração; posso levar a Palavra de Deus em lugares que jamais irei fisicamente. No tempo de Jesus isso não tinha. Hoje posso disponibilizar uma pregação no youtube e ela ser assistida por milhares de pessoas ao mesmo tempo…

Pela fé eu e você podemos mais. Podemos ir mais. Podemos fazer mais… E por que isso não acontece? Porque muitas vezes pensamos em fé como algo milagreiro. esquecemos que fé é decisão. Na prática ter fé é assim: Se estou com raiva de alguém, preciso perdoar. Então rezo pela pessoa e dou passos. Veja: Passos… Vou em direção à pessoa… Na política, nós cristãos devemos demonstrar a nossa fé rezando, mas não somente isso; temos que ler sobre política, falar de política, exigir dos políticos, escolher pessoas para a política e votar. Deixar tudo na mão de Deus não é ter fé, é comodismo.

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *