Vença as aflições!

Existe uma palavra que tem se tornado comum em nosso vocabulário: É a palavra aflição. Aflição nada mais é que abatimento, desespero, angústia, tormento. E sobre vencer este este mal, Jesus deixou a solução no evangelho de São Mateus, capítulo 11, versículo 28: Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei”

A solução para vencer as aflições existe. Mas a pessoa aflita corre o risco de se acostumar, se conformar a tal ponto com a aflição, que ela vai em tudo e a todos menos até Jesus. Temos por exemplo hoje, uma indústria farmacêutica milionária. Você já observou quantas farmácias existem por onde você passa? Não sou contra os remédios, nem contra farmácias e laboratórios; mas estamos vivendo um tempo, onde as pessoas preferem tomar “um remedinho” para dormir porque ficaram nervosas durante o dia. Daí à noite, para “esquecer” as aflições do dia, o mais fácil é não falar com ninguém e “apagar”. O pior é que no dia seguinte, as aflições estarão lá. Virando uma bola de neve.

Quando vamos até Jesus e nele colocamos nossas aflições, não “apagamos” como acontece quando tomamos o tal “remedinho”, mas obtemos força para enfrentar e vencer as aflições, pois acredite: Elas sempre existirão. Por isso, diante de sua aflição, faça esta oração:

“Senhor, escuta a minha oração, e chegue até vós o meu clamor.Não oculteis de mim a vossa face no dia de minha angústia. Inclinai para mim o vosso ouvido. Quando vos invocar, acudi-me prontamente”. (Salmo 101,1-3).  Meu Deus eu me sinto tão impotente, vem ser a minha Força.
Eu sinto uma perda como se tirasse o chão dos meus pés, vem ser minha Rocha firme,
Onde eu possa construir a minha vida.
O meu coração é habitado pelas dúvidas e incertezas, vem Senhor, ser meu consolo e minha segurança.
Meu Deus, eu me sinto tão sozinho, que nenhuma pessoa poderia preencher esse vazio.
Vem e derrama sobre mim o fogo do amor do Teu Santo Espírito .
Só o Teu amor pode me curar neste momento, vem Senhor, com Tuas Santas mãos toca-nos e seremos renovados.
Meu Senhor, eu não consigo parar de chorar, vem consolar o meu pranto. Recolhe as minhas lágrimas num odre, para que nenhuma delas se perca.
Deixa-me colocar minha cabeça no Teu peito como fez São João,
E repousar, ouvir Teu coração.
Coloca-me nos ombros como a ovelha encontrada pelo Bom Pastor.
Quero ouvir tua voz: “Filho porque choras?”.
_Não sei onde colocaram o meu Senhor.
Ouvir a Tua voz como Maria Madalena e perceber que não havia te perdido,
Estavas dentro de mim e eu Te buscava fora.
Neste momento preciso de Maria, Tua mãe.
Posso ouvir a tua voz dizendo: “Filho, eis ai a tua mãe, mãe eis ai o teu filho!”.
Quero neste dia ficar no colo de Maria, como o Senhor ficou depois da cruz.
O colo de Maria é isso que eu quero agora Senhor! Amém!
“Os que semeiam entre lágrimas, recolherão com alegria”. (Salmo 125,5).

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *