Provavelmente, aqui no versículo 42, do capítulo 4 do evangelho de São Lucas, está a descrição de uma das mais belas manifestações de fé citadas na bíblia: “Ao raiar do dia, Jesus saiu e foi para um lugar deserto. As multidões O procuravam e, indo até Ele, tentavam impedi-Lo de as deixar”. Aquele povo viu em Jesus o sentido da vida. Por isso O procurava e até mesmo tentavam de alguma forma impedí-Lo de os deixar.

Quem era aquele povo? Um povo sofrido, oprimido pelo poder público com seus altos impostos e discriminado pelo poder religioso, que com tantas leis e exigências mantinham-nos longe de Deus. Tudo isso, fazia com que aquele povo perdesse a esperança no ser humano e em Deus. Hoje não é tão diferente: O povo que somos nós, somos oprimidos pelo poder público, estamos cansados da política e de políticos corruptos e vemos tantos usarem da fé para se promover, para ganhar dinheiro e para enganar as pessoas.

O que fazer? Só não podemos perder a esperança em Deus, nem no ser humano. Precisamos fazer como aquele povo fazia:As multidões O procuravam e, indo até Ele, tentavam impedi-Lo de as deixar”. A tradução disso é oração. Uma pessoa que todos os dias procura Jesus, vai até Ele, impede Ele de a deixar. Deus se torna próximo, se faz um com ele, tornando-se assim, capaz de enfrentar qualquer força opressora.

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!