Como lidar com pessoas que nos contrariam?

Gostaria que você lê-se com bastante atenção a esse relato: “Estava chegando o tempo de Jesus ser levado para o céu. Então ele tomou a firme decisão de partir para Jerusalém e enviou mensageiros à sua frente. Estes puseram-se a caminho e entraram num povoado de samaritanos, a fim de preparar hospedagem para Jesus. Mas os samaritanos não o receberam, pois Jesus dava a impressão de que ia a Jerusalém. Vendo isso, os discípulos Tiago e João disseram: ‘Senhor, queres que mandemos descer fogo do céu para destruí-los?'”. Esse texto é do evangelho de São Lucas, capítulo 9, versículos 51 a 54.

Infelizmente há pessoas que quando contrariadas em família, no trabalho, até mesmo na Igreja e nas relações em geral, agem como Tiago e João: “Senhor, queres que mandemos descer fogo do céu para destruí-los?”. Pessoas diferentes, ideias diferentes, opiniões diferentes, me dão o direito de questionar, mas não de impor ou exigir que sejam iguais a mim. E aqui foi o erro de Tiago e João: Porque os samaritanos não acolheram Jesus, eles queriam destruí-los.

É triste quando nas relações, ao se deparar com diferenças, as pessoas partem para destruírem-se umas às outras, ora impondo o que pensam e querem, ora atacando com atitudes ou palavras. Que nesse dia, ao invés de pedirmos fogo para destruirmos-nos uns aos outros, peçamos o Fogo do Espírito Santo para queimar o que é mal e fazer permanecer só o que é de Deus em nós! Amém!

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *