Os 10 mandamentos de Deus

Mandamentos“Os dez mandamentos enunciam as exigências do amor de Deus e do próximo. Os três primeiros se referem mais ao amor de Deus, e os outros sete ao amor do próximo” (CIC, 2067)

“Eu sou o Senhor teu Deus” (Dt 5,6)

Na explícita afirmação divina: “Eu sou o Senhor teu Deus” está incluído o mandamento da fé, da esperança e da caridade. Se nós reconhecermos que, de fato, Ele é Deus, isto é, eterno, imutável, sempre igual a si mesmo, afirmamos assim a Sua infinita veracidade. Segue-se, então, a obrigação de acolher Suas palavras e de aderir aos mandamentos com pleno reconhecimento da Sua autoridade. Assim, sendo Ele Deus, nós reconhecemos a Sua onipotência, a bondade, os benefícios, o que nos confere uma confiança e esperança sem limites. E se Ele é infinita bondade e infinito amor, como não Lhe oferecer toda a nossa dedicação e Lhe dar todo o nosso amor? Eis por que, na Bíblia, Deus inicia e conclui invariavelmente os Seus mandamentos com a fórmula: “Eu sou o Senhor” (cf. CIC, 2086).
1. Amar a Deus sobre todas as coisas;

2. Não tomar seu santo nome em vão;

3. Guardar os domingos e dias santos de preceito;

4. Honrar pai e mãe;

5. Não matar;

6. Não pecar contra a castidade;

7. Não furtar;

8. Não levantar falso testemunho;

9. Não desejar a mulher do próximo;

10. Não cobiçar as coisas alheias.

Fonte: Portal cancaonova.com – Padre Jonas

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *