“Deus perdoa sempre, o ser humano às vezes e a natureza nunca”

perdãoCerta vez escutei que “Deus perdoa sempre, o ser humano às vezes e a natureza nunca”. E sabiamente, o salmista no salmo 102 nos deixou a seguinte informação: “Pois ele te perdoa toda culpa, e cura toda a tua enfermidade; da sepultura ele salva a tua vida e te cerca de carinho e compaixão”.

Penso que este versículo do salmo 102, sobretudo neste tempo em que vivemos de tantos desastres por parte do ser humano e da natureza precisa ser assimilado por nossa mente e nosso coração. Constantemente temos visto notícias de pessoas que têm feito justiça com as próprias mãos, linchando outros em praça pública, vivendo literalmente o “olho por olho, dente por dente”, pessoas que exercem cargos públicos e vivem na corrupção. Temos visto também catástrofes, terremotos, enchentes…

O grande perigo dos nossos dias é esquecermos de Deus. Acharmos que todos esses males é culpa de Deus. E não é. Se o ser humano tem tido atitudes más e perversas é pelo mal uso da liberdade que tem. Se a natureza está “revoltada”, é por falta de cuidado. Deus não tem nada a ver com a “reviravolta” desse mundo, “Pois ele te perdoa toda culpa, e cura toda a tua enfermidade; da sepultura ele salva a tua vida e te cerca de carinho e compaixão”. Deus é bom! Ele perdoa sempre, ama sempre, está conosco sempre!

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *