“Temos tantos defeitos para criticar em nós mesmos; por que criticar os defeitos dos outros?”

Julgamento-500x300Você já observou que por vezes, pessoas à nossa volta e até nós mesmos criticamos, condenamos e apontamos diversos defeitos de outras pessoas, como se fôssemos perfeitos e não tivéssemos nenhum defeito? Evidentemente, há pessoas que nos tiram do sério, que fazem coisas que “até Deus duvida”; mas isto não pode ser para mim, um sinal verde para que eu viva a apontar seus erros, nem tão pouco sair falando…

É atribuída ao Santo Padre Pio, a seguinte pergunta: “Temos tantos defeitos para criticar em nós mesmos; por que criticar os defeitos dos outros?” Esta pergunta precisa antes de uma resposta, me fazer ver que também tenho defeitos. E quem sabe até piores que daquela pessoa que tanto critico.

Bom mesmo seria, se diante do defeito de alguém, nos avaliássemos e fizéssemos o firme propósito de não agirmos como aquela pessoa…

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *