clamor

Há pessoas que quando não estão bem, simplesmente questionam a Deus, dizendo: “Por que Deus fez isso?” E ainda há pessoas que dizem: “Hoje não vou à Missa ou ao culto, porque não estou bem”. Em momentos de dificuldades, de perdas, de dores, necessário é, nos aproximarmos de Deus, como fazia o salmista, no salmo 129:  “Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece!”

Onde quer que você se encontre, ainda que seja nas profundezas da depressão, da dificuldade de trabalho ou financeira, de problemas familiares ou no casamento, de saúde ou de perigo de morte, clame a Deus. Ele escuta a sua prece!

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!