Não subestimemos a força da oração

O Senhor nos convida a ouvir e obedecer: “Ouve, ó Israel! O Senhor nosso Deus é o único Senhor. Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e com toda a tua força! E Amarás o teu próximo como a ti mesmo! Não existe outro mandamento maior do que este” (Mc 12, 29-33).

Diz o Papa Francisco: «Não subestimemos a força da oração de muitos! Dado que estamos interligados em Deus, podemos fazer algo mesmo pelos que estão longe, por aqueles que não poderíamos jamais, com as nossas simples forças, alcançar. Rezamos com eles e por eles a Deus, para que todos nos abramos à sua obra de salvação».

Dom Rino Fisichella, do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, afirma que é importante ressaltar que “a misericórdia não se reduz ao Sacramento da Reconciliação; ela tem um horizonte muito mais amplo, que empenha cada um de nós a se tornar instrumento da misericórdia para o próximo”.

Vivamos com o coração penitente neste dia, ajudando muitos outros a se aproximarem do Trono da Graça do Senhor, orando pelo mundo inteiro.

Fonte: Portal cancaonova.com

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *