No evangelho de São Mateus, capítulo 4, versículos de 18 a 22, está escrito que, “quando Jesus andava à beira do mar da Galileia, viu dois irmãos: Simão, chamado Pedro, e seu irmão André. Estavam lançando a rede ao mar, pois eram pescadores. Jesus disse a eles: ‘Segui-me, e eu farei de vós pescadores de homens’. Eles imediatamente deixaram as redes e o seguiram. Caminhando um pouco mais, Jesus viu outros dois irmãos: Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João. Estavam na barca com seu pai Zebedeu, consertando as redes. Jesus os chamou. Eles imediatamente deixaram a barca e o pai, e o seguiram”.

Os versículos acima, trazem 4 figuras: Pedro, André, Tiago e João. A vida deles foi marcada por uma atitude comum. Tal atitude, deixei de forma proposital, destacada em negrito e sublinhada. É a palavra imediatamente. Eles deixaram tudo que tinham para seguir Jesus. E tal decisão foi de forma imediata. Ao consultar um dicionário, veremos que a palavra imediatamente significa SEM DEMORA. Pedro, André, Tiago e João, deixaram tudo e seguiram Jesus de forma imediata, sem demora, apesar de toda estrutura que os rodeava: família, trabalho, amigos… Provavelmente, se tivessem parado para pensar muito, teriam desistido.

Existem coisas que precisam ser feitas imediatamente, sem demora. Fazer um bem, dar perdão, reconciliar-se com alguém… Exige ações imediatas, sob pena de nossa mente começar a raciocinar: “O que vão pensar de mim?” “Fulano não merece meu perdão” “Sempre eu que faço o bem, porque?”

Se é para fazer o bem, faça-o imediatamente, sem demora, antes que sementes do mal entrem na sua mente e torne endurecido o seu coração!

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!