Liberte-se de velhos hábitos e manias

Conversão é mudança de vida, abandonar velhos hábitos e manias, assumir nova postura de vida. O detalhe é que toda mudança gera desconforto, sobretudo quando de alguma forma nos acostumamos com esses velhos hábitos e manias. O livro do eclesiástico, em seu capítulo 5, versículos 7 e 8 orienta que “não demores em te converteres ao Senhor, não adies de dia em dia, pois sua cólera virá de repente, e ele te perderá no dia do castigo”. Deixei em negrito o “não demores”, “não adies”. Pois erro grave é demorar, adiar um bem que está ao nosso alcance fazer; uma mudança que na verdade depende de atitude.

Portanto, não demoremos, nem adiemos as mudanças. Por mais que seja incômodo abandonar velhos hábitos e manias, o primeiro passo precisa ser dado. E quanto mais demorado o primeiro passo for dado, mais distantes de mudar estaremos. Quer um exemplo bom? Escutei que uma pessoa tinha um velho hábito de falar da vida alheia. Se detinha em conversinhas, fofoquinhas… Às vezes, nem falava mal, mas ficava perto de quem falava de alguém. Certa vez, foi orientada por um sacerdote, a sempre que tivesse a tentação de falar de alguém ou estivesse escutando falarem mal de alguém, ela dissesse: “Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo!” Que tal a sugestão?

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *