Quer na provação, quer na tentação, é preciso olhar só para Deus

“Onde estão as tuas esmolas? Onde estão as tuas obras de justiça? Vê-se bem em ti o que elas são!” Estas três perguntas foram dirigidas por Ana a Tobias, seu esposo, no versículo 14, do capítulo 2 do livro de Tobias. Tais questionamentos são feitos por Ana a Tobias, pelo fato deste sempre ter sido um homem fiel a Deus e que a todos ajudava. Porém, ao ser acometido de cegueira, perde tudo, inclusive seu alto cargo público e excelente salário; foi sustentado por dois anos, pelo sobrinho Aicar. Tendo este que partir para outra cidade, sua esposa Ana passar a ter que trabalhar para o sustento da casa.

Ana entra em enorme conflito de fé. Diante dela está alguém que ela conhecia muito bem e amava. Sabia do bem praticado pelo marido durante toda a vida, conhecia, sua firmeza de fé e seu coração. E não compreendia o porque tal desgraça o atingira.

Por vezes não compreendemos o por que das provações, dos sofrimentos; e a exemplo de Ana, somos tentados a questionar até que ponto vale a pena a entrega, a doação, a fé, o serviço na Igreja… Note bem, que as perguntas feitas por Ana são verdadeiras tentações: “Onde estão as tuas esmolas? Onde estão as tuas obras de justiça? Vê-se bem em ti o que elas são!

Tobias vivia um momento de provação. Ana vivia um momento de tentação. Se lermos todo livro de Tobias, veremos um lindo desfecho. Deus que honra os que n’Ele perseveram. Quer na provação, quer na tentação, é preciso olhar só para Deus!

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *