Queremos ter poder ou autoridade?

“De fato, Ele (Jesus) as ensinava como quem tem autoridade e não como os mestres da lei”. Mateus 7, 29.

Havia da parte dos mestres da Lei, um grande ciúme de Jesus, que cuminou com Sua morte cruenta na cruz. Esse sentimento doentio por parte dos mestres da Lei, originou-se por que Jesus conquistava as pessoas, dava sentido para as sua vidas e ensinava o que vivia; e isso Lhe dava autoridade, estimulando quem O ouvia a vivê-la.

A vida de Jesus neste mundo, mostrou que autoridade não se conquista no grito, nem simplesmente por ter determinado conhecimento. Autoridade se conquista pela vivência daquilo que se ensina. O sociólogo Max Weber, diz que “poder é a capacidade de obrigar, por causa de sua posição ou força, os outros a obedecerem à sua vontade, mesmo que eles preferissem não fazê-lo. Autoridade é a habilidade de levar os outros, de boa vontade, a fazerem sua vontade”.

Quem tem um comando, seja na família, em uma empresa ou na religião, terá sucesso em sua empreitada não pelo poder, mas pela autoridade. Esta sim, é que dá a capacidade de literalmente encantar (impressionar positivamente) as pessoas. E isso, aquele que lidera, só tem quando antes de mandar fazer, vive.

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *