Qual o impacto da atividade física para a mente?

Muitos de nós sabemos os benefícios da atividade física para o corpo, principalmente quando estamos inseridos em uma sociedade que vive um “culto ao corpo” de forma bem declarada. No entanto, os benefícios da atividade física não se encontram apenas no corpo, mas existe um ganho significativo na mente. A atividade física é uma grande aliada em alguns tratamentos psicológicos, como depressão, transtornos de ansiedade, fibromialgia, estresse, Síndrome de Burnout e outras patologias.

Por que a atividade física beneficia tanto o quadro psicológico? Eu lhe explico agora:

1) Durante a atividade física, são liberadas dosagens hormonais que proporcionam sensação de bem-estar. O hormônio mais conhecido é a endorfina, que, ao ser liberada, proporciona sensação de alívio/analgésico e prazer/bem-estar. A liberação da endorfina auxilia na regulação de substâncias cerebrais, auxiliando diretamente a memória, a atenção, o humor e a disposição mental. Outros hormônios também são liberados durante a atividade física como a serotonina, o GH. Os que mais auxiliam nossa mente são a endorfina e a serotonina.

2) Uma atividade física bem feita desvia nossa atenção, nem que seja por alguns minutos, dos problemas, das preocupações e dos pensamentos ansiogênicos e depressivos para o nosso corpo. Não dá para fazer uma série na academia e não prestar atenção na execução do exercício, nem prestar atenção na contagem da repetição. Assim como no Pilates, que é uma excelente indicação para os ansiosos, pois exige total concentração na execução do exercício e na respiração. Andar de bicicleta, caminhar, correr, praticar uma luta, seja lá qual for a atividade física que você pratique, ela exigirá que você preste atenção no que está fazendo, assim seu foco de atenção terá desviado por algum momento e isso lhe proporcionará prazer.

A atividade física é um poderoso remédio para a mente

Aí você poderá me perguntar: Então, terei de ficar o dia inteiro fazendo atividade física para ficar bem? Não! A atividade física bem feita, no horário que melhor o atender, ao longo do tempo, trará os benefícios hormonais já mencionados e a sensação de bem-estar mais duradouros, pois será algo constante. É como tomar remédio: tem que ser frequente e, de preferência, no mesmo horário. Com o tempo, você mesmo poderá perceber que já saiu daquele quadro grave que se encontrava. Isso lhe dará forças para enfrentar melhor suas questões e se organizar para obter a qualidade de vida psíquica que deseja.

Outro grande benefício da atividade física é que ela nos coloca de frente aos nossos limites. Limites que são reais e que, gradativamente, são diminuídos ao avançar da fidelidade de cada semana. Isso faz crescer em nós uma sensação de bem-estar, autoconfiança e elevação da autoestima. E quando os resultados físicos começam aparecer, este processo interior é potencializado. No entanto, é extremamente importante compreender que, atualmente, a atividade física não auxilia apenas a dimensão física, mas também é um poderoso remédio para nossa mente. Exercite-se! A atividade física é uma academia para o corpo e para mente!

Aline Rodrigues, missionária da Comunidade Canção Nova, no modo segundo elo. É psicóloga desde 2005, com especializações na área clínica e empresarial e pós-graduada em Terapia Cognitiva Comportamental.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *