Cada um deve compor a sua história

Deus mostra ao profeta Ezequiel um monte de ossos secos sobre a planície e lhe questiona se naquele estado, aqueles ossos poderiam voltar à vida. O profeta desconcertado e até mesmo incrédulo diante de tal pergunta, joga para Deus a responsabilidade, ao dizer-Lhe: “Senhor Deus, só tu o sabes”. E Deus lhe devolve em tom de ordem: “Profetiza sobre estes ossos…” Mostrando a Ezequiel que era preciso que ele fizesse a parte dele.

De fato, ao criar o ser humano e dar-lhe capacidade de pensar, raciocinar, criar, amar… Deus, permite ao ser humano que não cruze os braços, esperando que do Céu lhe venha tudo, mas que, cada um descubra seu papel na história e descobrindo, possa tornar a casa comum – o mundo – um ambiente igual e melhor para todos.

A isto, chamamos autorresponsabilidade. Por ela, como cantado por Almir Sater e Renato Teixeira, “cada um de nós compõe a sua história e cada ser em si carrega o Dom de ser capaz e ser feliz”.

“Havia muitíssimos ossos na planície e estavam ressequidos. Ele me perguntou: ‘Filho do homem, será que estes ossos podem voltar à vida?’ E eu respondi: ‘Senhor Deus, só tu o sabes’. E ele me disse: ‘Profetiza sobre estes ossos e dize: Ossos ressequidos, escutai a palavra do Senhor! Assim diz o Senhor Deus a estes ossos: Eu mesmo vou fazer entrar um espírito em vós e voltareis à vida. Porei nervos em vós, farei crescer carne e estenderei a pele por cima. Porei em vós um espírito, para que possais voltar à vida. Assim sabereis que eu sou o Senhor'”. Ezequiel 37, 2-6

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *