Resiliência – A incrível capacidade de se superar.

“Quem ouve estas minhas palavras e as põe em prática, é como um homem prudente, que construiu sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra a casa, mas a casa não caiu, porque estava construída sobre a rocha”. Mateus 7, 24-25

Chuvas, enchentes, temporais e tempestades sempre existiram e sempre existirão. Por isso Jesus dá ênfase não a estes fenômenos e sim, à maneira como os enfrentamos. Uma casa com um bom alicerce não estará livre destas intempéries, mas a elas resistirá.

Da mesma forma, nossa vida pessoal, profissional, familiar e espiritual há de enfrentar dias de “chuva”, “enchentes”, “temporais” e “tempestades”; pois a exemplo da natureza, estes “fenômenos” sempre existiram e existirão. E aqui não adianta chamar de maré de azar, praga que jogaram ou dizer que Deus abandonou, pois como dito anteriormente, tais “fenômenos” sempre existiram e existirão.

A sabedoria consiste em não olhar para as tempestades; e só se consegue isso com resiliência, ou seja, a incrível capacidade que algumas pessoas têm de se superar diante de mudanças, obstáculos, tragédias e tribulações com uma certa facilidade. 

Resiliência é uma expressão que a física utiliza para explicar a capacidade que alguns corpos têm de retornar à forma original, após passarem por uma deformação elástica. Tal expressão ao ser usada pela psicologia, designa a capacidade que uma pessoa tem para lidar com problemas e aflições do dia a dia, adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir às pressões de situações adversas, sem se desesperar ou mesmo entrar em um estado de choque psicológico, físico ou emocional. Neste nível – em resiliência – a pessoa encontra saídas e consegue obter estratégias para enfrentar e superar adversidades.

Ao falar da casa construída sobre a rocha, Jesus quer nos alertar a tirarmos o nosso olhar das tempestades. Porque o que conta é estarmos prontos quando elas vierem. Pois acredite, elas virão.

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *