Você sabe como não tornar-se hipócrita?

“Naquele tempo, disse Jesus: ‘Ai de vós, mestres da Lei e fariseus hipócritas! Vós sois como sepulcros caiados: por fora parecem belos, mas por dentro estão cheios de ossos de mortos e de toda podridão! Assim também vós: por fora, pareceis justos diante dos outros, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e injustiça'”. Mateus 23, 27-28

A palavra hipócrita é de origem grega, e significa o ato de fingir, representar um papel; e ainda a habilidade de imitar a fala, gestos e modos de alguém. Com o tempo, esta palavra passou a ter um significado moral, para alguém que representa, que finge comportamentos que não possui, e ainda exige que outros os pratiquem, sem que ele mesmo o faça.

O hipócrita nada mais é, que ou aquele que demonstra uma coisa, quando sente ou pensa outra. Alguém dissimulado, que esconde sua verdadeira personalidade por interesse ou medo de assumir sua verdadeira identidade. Na prática, os fariseus eram criticados por Jesus porque tinham este comportamento: encenavam algo que não eram. Exigiam posturas que não tinham.

A hipocrisia não está restrita ao âmbito religioso, mas em todas as áreas da vida. Bom será, quando conseguirmos em família, na empresa, nos relacionamentos, fazer ao invés de falar. Pelo exemplo, eliminamos a hipocrisia.

Edson Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *