Como deve ser feito o jejum?

“Dias virão, porém, em que o noivo lhes será tirado; e então jejuarão naquele dia”. Mc 2, 20

O jejum nos liberta de vícios, de manias, nos aproxima de Deus. Por ele, não mudamos a Deus, para que Ele nos conceda um favor. Ao contrário, nós é que mudamos, nos aproximamos d`Ele e assim somos transformados. Pelo jejum, freamos os “apetites” carnais por determinados alimentos, práticas, palavreados, relacionamentos e entretenimentos (músicas, Tv, internet), que de alguma forma nos dominam e por isso nos escravizam, nos tornam dependentes e assim, nos tornamos famintos de Deus.

É muito importante que o período de jejum seja preenchido de oração. Não convém por exemplo, fazer jejum do almoço e neste horário ir ao shopping ou ao banco pagar uma conta ou ficar na internet passando aquele tempo – Também não convém fazer jejum de determinado entretenimento e passar este tempo “batendo papo” com alguém – E ainda não convém, fazer jejum de más companhias ou lugares inadequados e ir em outro lugar, ainda que seja bom. O período do jejum tem sua eficácia quando preenchido por Deus e como uma planta, “regado” de oração. E desta forma, livres do que nos escraviza, Deus vai ocupando Seu espaço em nossas vidas.

Edson Oliveira

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.